terça-feira, julho 12, 2005

O Fogo que nos consome

Não mais que um fósforo e umas quantas latas de gasolina para fazer render ao máximo em termos financeiros uma mata de pinheiros. Estão assim definidas as nossas leis. É que o preço de um pinheiro é pouco superior ao valor da indemnização recebida pela perda desse mesmo pinheiro por acidente florestal (incêndio). Ora para se venderem pinheiros é necessário cortálos primeiro, a mão de obra não é grátis, fazendo as contas rápidamente se resolve a melhor opção financeira.
E assim enquanto noutros países as cheias acontecem, no nosso, alguns enchem os bolsos enquanto outros (a maioria) queixa-se da falta de água que se explica com a acelerada desflorestação dos nossos recursos. Era já altura do governo ser menos benevolente relativamente às ditas indemnizações criadas pela senhora Ferreira Leite há uns anos. Corrijam-me se estou errado, mas esta é a explicação mais plausível que encontro para a dimensão e número dos casos de incêndio dos últimos anos.

3 Comments:

Anonymous O Vizinho said...

Era acabar com o subsídio (esse e outros agricolas) e aplicar penas pesadas aos incendiários.
Mas nada de coisas complicadas. Era assim do género, foste apanhado a atear fogos, és regado com gasolina e atado a um pinheiro... na rota do incêndio.
Se o conseguirmos apagar antes de lá chegar... safas-te!

3:30 da tarde  
Blogger xipsocial said...

Boa idéia, um pouco ao jeito da inquisição mas não deixa de fazer um certo sentido e de ter uma pontinha de criatividade....hehe

3:34 da tarde  
Blogger rajodoas said...

Esta que citou, é uma das razões entre outras conhecidas que levam as pessoas
a optarem por este tipo de soluções. E enquanto os governantes continuarem a apostar na prevenção através dos meios de combate o País daqui a algum tempo só disporá de ávores nos jardins e passeios. De resto quem circula pelo interior do País fácilmente repara no
movimento constante de camiões dotados
com gruas a transportarem madeira de
zonas ardidas. Além do negócio que tudo isto representa anda também muita
gente a comer à conta. Este é no fundo
o terrorismo que vivemos na nossa terra.

5:26 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home